RocketTheme Joomla Templates
     

Go www.maquinasvoadoras.com.br

ANUNCIANTES

Best Pilot

Para mais informação, visite o site !
Banner
Formando os Melhores Pilotos !

Global Spotter

Visitem o site ! Participem !
Banner
Mostra aeronaves de todos os tipos !
DIA D - A INVASÃO DA NORMANDIA Imprimir
Escrito por Edmar Lucas   

Dia D (Day-D)

 

Termo militar da época, se refere ao primeiro dia do Desembarque na Normandia pelas forças Aliadas durante a WW II.

Localizada na costa da França, começou às 06:30 British Double Summer Time (H-time) do dia 6 de junho de 1944. 

Esse desembarque também foi conhecido como o inicio da Operação Netuno (terminou em 30 de junho de 1944, com o estabelecimento de uma base firme de operações na Normandia) e Operação Overlord (Continuou até as forças aliadas cruzarem o Rio Sena em 19 de agosto de 1944). 

        

A invasão da Normandia foi conduzida em 2 fases : 

Uma invasão aérea com paraquedistas americanos, britanicos e canadenses, logo após a meia noite e as 06:30 da manhã na costa da França, uma invasão anfíbia da infantaria aliada e da divisão de blindados. E a Resistencia Francesa atuando na sabotagem de ferrovias, estradas, centrais telefonicas e eletricas.

Mapa do Local da Invasão Aérea, 3 horas antes

 

A invasão foi precedida do transporte de soldados e materiais desde a Inglaterra, uma armada de navios e aeronaves, para fornecer apoio a invasão de desembarque por terra, suporte aéreo, interdição naval do canal Inglês e bombardeio naval a costa.

 

 

 

 

Comboio Naval e Barragem de Balões !

 

Abaixo mapas das rotas de invasão por desembarque e da posição dos alemães no dia D.

 

  

Developed by United States Departament of Defense

 

Para distrair os alemães, Kriegsmarine e o Exercito Alemão, das áreas efetivas de desembarque, foram montados ataques com os codinomes operation Glimmer e operation Taxable. A operação foi a maior e mais ambiciosa invasão feita em um unico dia de todos os tempos, como desembarque de mais de 130.000 soldados no dia 06 de junho de 1944. Com 195.700 pessoas de suporte envolvidas na força naval aliada e de marinha mercante. 

Com maior aproximação, o detalhe da area de desembarque 

O desembarque ocorreu ao longo do estreito da costa da Normandia e foi dividida em 5 setores: Utah, Omaha, Gold, Juno e Sword

 

 

 

Observem a distancia  de Paris !

 

the bridge of USS Augusta (CA-31), off Normandy, 8 June 1944. They are (from left to right): Rear Admiral Alan G. Kirk, USN, Commander Western Naval Task Force; Lieutenant General Omar N. Bradley, U.S. Army, Commanding General, U.S. First Army; Rear Admiral Arthur D. Struble, USN, (with binoculars) Chief of Staff for RAdm. Kirk; and Major General Hugh Keen, U.S. Army.

 

 

As tropas de assalto utilizaram um veiculo anfibio, que transportava os soldados, veja o diagrama abaixo:

 

 
 

Soldados Canadenses na Juno Beach

 

Soldados Americanos seguindo para Omaha Beach

 

Ao fundo Omaha Beach

 

Defesa alemã em Omaha Beach

 

 

 

Linhas de Suprimentos apos a tomada de Omaha Beach e Barragem de Balões !

 

 

 

Linhas de Suprimentos apos a tomada definitiva de Omaha Beach

 

 Soldados canadenses posando com bandeira Nazi em 1944 

 

Memorial

 

Memorial

 

 

Memorial

 

Memorial

 

Memorial

 

 

Memorial

 

 

Memorial

 

 

Memorial

 

O Cemiterio Americano ocupa 172 acres, foi construido por uma empresa de arquitetura chamada H2L2 (Haberson, Hough, Livingston & Larson) e teve paisagismo de Markley Stevenson para homenagear os soldados mortos em combate no desembarque em OMAHA Beach, na invasão da Normandia. Fica proximo de Colleville-sur-mer na França, são 9.387 soldados americanos e 307 soldados desconhecidos descansam no Cemiterio e Memorial. 

 

Soldado Americano, num dia chuvoso !

 

 

Soldado Desconhecido

 

 

Soldado Judeu

 

 

 

Memorial e Cemiterio Americano

 

 

Memorial

 

Escadas que partem do Memorial para Omaha Beach

 

 

 
 

Cemiterio Canadense de Bény-sur-Mer

 

 

 

Cemiterio Alemão de La Cambe

 

 

 

Soldado da Resistencia Francesa Guenard August

 

O dia mais marcante do nosso século foi, com certeza, o chamado dia D, pois, marcou o início da derrota alemã na Segunda Guerra Mundial com a abertura do front ocidental, indispensável para vitória aliada.  

Até, então, os nazistas estavam sendo detidos apenas pelo esforço soviético, na frente oriental.  

Para esta operação, cerca de 150 mil soldados foram mobilizados na ocupação de 80 quilômetros da costa ao norte da França, na Normandia, em cinco pontos diferentes: Gold, Juno, Utah, Sword e  Omaha.  

O desembarque aliado na praia denominada Omaha, na Normandia, foi o mais difícil. Ao todo, aconteceram 10 mil baixas do lado aliado neste primeiro lance da Operação Overlord, que é considerada maior ofensiva anfíbia de guerra já ocorrida.  

Por que a Normandia foi escolhida para o desembarque do Dia D?

Vários motivos fizeram dessa região no noroeste da França o cenário escolhido para o famoso desembarque das tropas aliadas: O primeiro motivo foi a topografia das praias da região, amplas e planas o bastante para permitir a manobra de grandes quantidades de tropas e veículos.  

Outra questão importante era sua posição geográfica. "Essas praias ficavam a menos de 200 quilômetros do sul da Inglaterra. Essa proximidade fez com que as linhas de abastecimento ao longo do Canal da Mancha pudessem manter um incrível volume de suprimentos e pessoal fluindo para a área da invasão", diz o historiador Martin Morgan, do Museu Nacional do Dia D, em Nova Orleans, nos Estados Unidos.  

A região não era a mais próxima das ilhas britânicas, mas tinha uma vantagem estratégica decisiva. "A Normandia não era tão defendida pelos nazistas como o porto de Calais, o ponto mais perto da Inglaterra em território francês", afirma Kenneth Hoffman, um dos diretores do mesmo museu americano.  

Finalmente, as praias da região ficavam entre dois portos de águas profundas importantes, Le Havre e Cherburgo.  

Pelos planos aliados, à medida que a invasão se expandisse, os dois portos logo seriam dominados, o que possibilitaria a chegada de mais reforços.  

O Dia D - cujo nome oficial era Operação Overlord ("Operação Dominadora") - marcou a virada de mesa final da Segunda Guerra a favor dos aliados. “Se a invasão da Normandia tivesse falhado, os alemães poderiam ter retirado algumas tropas da França para reforçar sua frente oriental contra o avanço da União Soviética.” 

Durante todo o desembarque, as armas alemãs despejaram fogo mortal nos americanos. Corpos na praia ou flutuando.  

Os homens procuraram o refúgio atrás dos obstáculos da praia, uma corrida mortal da praia à muralha, que ofereceu alguma segurança na base do penhasco.  

As embarcações e veículos destruídos obstruíam a praia, e às 08:30 horas todo o desembarque cessou em Omaha.  

As tropas na praia foram deixadas por si próprias descobriram que as saídas não eram viáveis.  

Lentamente, em pequenos grupos, escalaram os penhascos.

Enquanto isso, os destroyers da marinha atacavam as fortificações alemãs aproximando-se perigosamente da beira mar.

Por volta das 12:00 horas o fogo alemão foi diminuído visivelmente tomando posições defensivas na retaguarda.  

As saídas foram então abertas uma a uma.

 

A BESTA DE OMAHA 

Para o soldado alemão Hein Severloh, o “Mais longo dos dias” foi atirar com uma metralhadora por cerca de nove horas, sem intervalo, em soldados americanos que desembarcavam na praia de Omaha, o setor de responsabilidade dos americano no Dia D.   

Segundo ele, existe uma lembrança que ainda leva seus olhos, ainda hoje, às lágrimas. Um jovem americano tinha corrido da sua embarcação, no desembarque, para se abrigar atrás de um bloco de concreto.  

Severloh, então um jovem Obergefreiter no exército alemão na Normandia, mirou o GI com seu rifle. Ele atirou, atingindo o inimigo na testa. O capacete do americano voou e caiu no mar, seu queixo caiu para o peito e o GI caiu morto na praia.  

Atormentado pela memória, Severloh agora chora ao lembrar-se da morte deste soldado desconhecido.  

Severloh estava seguro em um quase impenetrável bunker de concreto observando a praia.  

Sua visão das forças aliadas que desembarcavam estava totalmente desimpedida de obstáculos.  

Ele foi o último soldado alemão disparar um tiro em Omaha, e estima-se que foi responsável por mais de 3.000 baixas americanas, quase três quartos de todas as baixas aliadas em Omaha Beach 

Os americanos o chamavam de “A Besta de Omaha”. 

Ele se salvou das ondas de bombardeios aliados pelo mau tempo. Os pilotos americanos tinham medo de, soltandos as bombas muito cedo, acertar seus próprios navios de desembarque, e assim a maior parte delas caiu além dos bunkers alemães.  

À medida que os navios com as tropas inimigas se aproximavam, Severloh podia ouvir as ordens finais de seu comandante, Lieutenant Berhard Frerking.  

O objetivo era parar os americanos enquanto eles ainda estivessem no mar e não pudessem se locomover com facilidade. Mas se disparasse tão cedo - com os inimigos ainda no mar - ele poderia errar.  

Frerking explicou: “Você precisar abrir fogo quando o inimigo está com a água nos joelhos e ainda não tem condições de correr ”.  

Hein Severloh não tinha participado de muita ação antes disso. Seu cargo anterior, no front oriental, foi não durou muito porque ele teve uma crise de amidalite.  

Ele não mostrava muito entusiasmo. “Eu nunca quis participar da guerra. Nunca quis conhecer a França. Nunca quis estar num 'bunker' atirando com uma metralhadora.”  

Severloh atirou por nove horas, usando mais de 12.000 cartuchos de uma Mg 42. O mar estava manchado pelo vermelho do sangue dos corpos dos GIs.  

Quando a munição para a metralhadora acabou, ele começou a atirar com seu rifle, gastando mais 400 cartuchos.  

Um conceituado historiador alemão da Segunda Guerra Mundial, Helmut Konrad Freiherr von Keusgen, acredita que Hein Severloh pode ter sido responsável por 3.000 das 4200 baixas americanas no dia.   

Numeros do confronto:   

Aliados (USA, UK, Canada, Free French) : 156.000 soldados

Alemanha                                               : 380.000 soldados 

Total de aliados, mortos/feridos/desaparecidos/capturados: +- 10.000         

Desses USA 6.603 (1.465 mortos),  UK 2.700, Canada 1.074 (359 mortos) 

Total de alemães, mortos/feridos/capturados : entre 4.000 e 9.000 

Vitoria:  Aliada.  

 

Fonte : http://en.wikipedia.org/wiki/D-Day 

 

Espero que esse artigo, ajude a todos a entenderem um pouco o papel decisivo que a invasão da Normandia representou na Segunda Guerra Mundial.  

 

Edmar Lucas   

 

Militar

Esquadrão Phoenix tem novo comandante!

Nesta última sexta-feira, dia 18 de janeiro de 2013, Cel Soares assume o 2º Esquadrão do 7º Grupo de Aviação, o Esquadrão Phoenix!

Leia mais...

Auto

IAA 64th International Motor Show um enorme sucesso !

Os números da edição de 2011 do Salão de Frankfurt, IAA  64th International Motor Show, impressionam! Reforçam ainda mais sua posição como uma das maiores feiras de carros do planeta!!!  

 

 

Leia mais...

Depoimentos

Serie Fumaça Já - As Manobras

As manobras



O conjunto de manobras apresentadas por uma esquadrilha de demonstração determina sua identidade.

É algo como explicar a personalidade do grupo interpretando suas cambalhotas. Com diferenças sutis na intensidade de cada palavra, adjetivos como audácia, arrojo, técnica e vários outros, estarão sempre presentes.

Leia mais...

Entidades e Grupos

Grupo Aviadoras e 99's Brasil

Em 1998 um grupo de amigas pilotos da antiga VARIG, teve a idéia de fazer uma reunião com mulheres piloto que voavam por outras companhias aéreas do Brasil com o objetivo de trocar experiências profissionais e pessoais, visando a segurança de vôo, a única regra era que elas deveriam ser empregadas de empresa aérea comercial.

Leia mais...

Para Descontrair

Durante um voo !

Num vôo comercial, o piloto liga o microfone e começa a falar aos passageiros:
'Bom dia senhores passageiros, neste exato momento estamos a 9 mil metros de altitude, velocidade de cruzeiro de 860 Km/hora e estamos sobrevoando a cidade de........
OHHHHHHH, MEU DEUS!!!'

Leia mais...

Fabricantes Civil

Boeing Partners with Emirates and Nonprofit to Deliver Relief Supplies to Bangladesh!

Dubai, United Arab Emirates – Dec. 18, 2012 – Boeing partnered with Emirates and a nonprofit organization, SpaandanB, to transport relief supplies to people in Bangladesh onboard the airline’s  newly delivered 777-300ER (Extended Range.) 

 
Leia mais...

Dica Cultural

Livro Gloster Meteor, o Primeiro Jato do Brasil !

Rudnei Dias da Cunha com suas belas ilustrações e a organização sempre criteriosa do João Paulo Moralez, permitiram ao autor Camazano mostrar a trajetória desta aeronave no Brasil.  

Leia mais...

Homenagem

Cerimônia em memória às vítimas do voo AF 447

A Marinha do Brasil (MB) realizou uma cerimônia no mar, alusiva à memória das vítimas do voo AF 447, no dia 29 de junho (segunda-feira), entre 09:30h e 12:00h, nas proximidades de Recife.

Esta cerimônia ocorreu a bordo da Fragata Bosísio, com a participação de outros navios da Força, que foram empregados nas buscas realizadas, e constou de um culto ecumênico, com lançamento de flores ao mar.

Informamos, ainda, que os familiares das vítimas foram convidados para a cerimônia. 

Nossos mais sinceros sentimentos às vitimas e seus familiares.

Equipe Maquinas Voadoras

Historia

SPITFIRE – AS PESSOAS QUE AJUDARAM A TORNÁ-LO UMA LENDA - PARTE FINAL

  Spitfire – as pessoas que ajudaram a torná-lo uma lenda – Parte II            

Na parte I desse artigo, descrevi das três pessoas que contribuíram para o nascimento de uma lenda, o Spitfire, bem como também foram responsáveis diretamente pela criação das bases para a produção de aeronaves de alta performance e seus respectivos motores para suprir as demandas exigidas durante a segunda guerra mundial.            

Agora nessa segunda e última parte, vou mencionar as outras três pessoas que, mesmo várias vezes lutando contra as mais diversas adversidades, guiaram esse formidável caça durante seu batismo de fogo na Batalha da Inglaterra (1940), quando a Grã-Bretanha se encontrava sozinha na luta contra o avanço das tropas de Hitler para o oeste, ratificando assim o surgimento de uma lenda.

 

Leia mais...

Passaporte

Tour Sudeste Asiatico - Suvarnabhunmi International Airport - Bangkok

Ola pessoal,  

Nesta serie de artigos que começamos, vou descrever minha experiência por aeroportos e culturas totalmente novas, apesar de minhas feições orientais e ter nascido neste querido Brasil , fui a luta pra conhecer a terra de meus avós !  

Espero que gostem ! E se tiverem uma oportunidade de visitar o sudeste asiático, eu recomendo que façam a viagem, pois é um outro "Mundo" e uma oportunidade única.

Apreciem um pouco das imagens de lá, no link mais abaixo.    
Leia mais...

Aereas

Boeing, Lufthansa Celebrate Flyaway of First Airline 747-8 Intercontinental !

EVERETT, Wash., May 2, 2012 

Primeiro 747-8 entregue pela Boeing a uma companhia aérea levantou vôo neste dia 1 de maio, rumo a Frankfurt, o "Jumbo" da Lufthansa, matrícula D-ABYA, fez Touch and Go no aeroporto de Hamburgo, onde fica a sede da Lufthansa Technik, antes de pousar tranquilamente em Frankfurt.   

Segue o texto completo em inglês.

Leia mais...

Fabricantes Militar

Embraer Selects Boeing to Provide Weapons Integration for A-29 Super Tucano!

Capacity to benefit Light Air Support aircraft

FARNBOROUGH, United Kingdom, July 10, 2012 -- Embraer and Boeing today at the Farnborough Airshow announced an agreement that further enhances the collaboration between the two companies and brings additional capabilities to Embraer's A-29 Super Tucano through new weapons integration developments to meet future customer requirements.

Leia mais...

Fabricantes Militar Suporte

A empresa RAFAEL aprofunda suas atividades no Brasil - compra ações da empresa brasileira GESPI !

Presente na LAAD 2012 Security, que começou em 10 de abril de 2012, as 10:00, a empresa Rafael - Sistemas Avançados de Armamento Ltda. esta em processo de aquisição de 40% das ações da empresa brasileira GESPI – Aeronáutica, como parte de seu projeto de expansão de atividades no Brasil.

Leia mais...

Voo Destaque

Virgin Galactic Space Ship VSS Enterprise - Primeiro Voo Tripulado Livre !

Aeronave Space Ship Two ou VSS Enterprise deu um grande passo para se tornar o primeiro veículo espacial tripulado em todo o mundo a ter uso comercial. De uma altura acima de 13.700 m, foi liberado, conduzido e aterrisado no Aeroporto Espacial e Aéreo de Mojave.

Leia mais...

Tecnologia

Airline Flight Tracking - Saiba o que é um Transponder

 

A transponder (short-for Transmitter-responder[1] and sometimes abbreviated to XPDR[2], XPNDR[3], TPDR[4] or TP[5])is an electronic device that produces a response when it receives a radio-frequency interrogation. In aviation, aircraft have transponders to assist in identifying them on radar and on other aircraft's collision avoidance systems.[6][7]

Air traffic control units use the term "squawk" when they are assigning an aircraft a transponder code, e.g. "Squawk 7421". Squawk or squawking thus can be said to mean "select transponder code" or "I have selected transponder code xxxx".[6]

 

Leia mais...

Feiras e Encontros

Dia 27 de Março começa a Sun 'n Fun 2012 ! Ingressos on line em promoção !

March 14, 2012

        
   
Leia mais...

Internacional

AVALON de 2013 fecha com resultados significativos!

Apesar do cenário de retração da indústria de aviação e defesa e da chuva incessante nos primeiros dias, os organizadores da edição de  2013 do Australian International Airshow and Aerospace & Defence Exposition, reportaram um incremento nos resultados.   

Leia mais...

Demonstracao Aerea no Mundo

FRECCE TRICOLORI, 50 anos de Gloria !

Com a presença de cerca de 300.000 pessoas, o Esquadrão de Demonstração Aérea FRECCE TRICOLORI, comemorou seus 50 anos de atividades.

O evento no final de semana de 11 e 12 de setembro foi destaque na imprensa italiana Stampa, Corriere della Sera, Corriere dello Sport, pela RaiUno e RaiSport com transmissões ao vivo, para citar alguns. 

Leia mais...